AÇÃO DE ALIMENTOS CONTRA AVÓS

AÇÃO DE ALIMENTOS CONTRA AVÓS

0 763 views

AÇÃO DE ALIMENTOS CONTRA AVÓS

Excelentíssimo. Sr. Dr. Juiz de Direito da …..ª Vara de Família da
Comarca de …………….

(dez espaços duplos para despacho)

……………., brasileiro, menor, aqui representado por sua avó materna
tutora, Sra. ……………, portadora do RG nº ………., e do CPF nº
…………….., residente e domiciliada nesta capital, à rua ……………, nº
….., vem por seu advogado abaixo assinado, mui respeitosamente à
presença de V. Exa., propor uma AÇÃO DE ALIMENTOS contra
seu avô materno Sr. ……………, brasileiro, casado, agropecuarista,
portador do RG nº …………, e do CPF nº ………………, residente e
domiciliado nesta capital, à rua …………, nº ….., pelas razões que
passa a expor e a final requer:

1. O requerente é filho órfão impúbere da filha do requerido, já
falecida, quando viúva, conforme se comprovam pelas certidões de
nascimento, de casamento e de óbitos aqui anexas.

2. Como depois da morte de sua genitora, Sra. ……………, teve de
ficar sob a guarda e custódia de sua avó materna, ex-esposa do
suplicado, esta que vive exclusivamente de pequena pensão que
recebe de seu marido, ora suplicado, passou a ter dificuldade para
prover, com dita pensão, também ao neto que com ela ficara, posto
que os pais deste, nada deixaram que lhe pudesse ajudar na sua
mantença.

3. Que por várias vezes ela, a representante do requerente, levou o
neto ao suplicado, expôs-lhe o problema e falou-lhe da obrigação que
tinha ele de sustentar e educar o neto, face às circunstâncias em que
ele, o neto, se encontrava; o requerido, porém, lhe respondia que
dividisse o que recebia e se arranjasse assim mesmo, ocorre que o
menor encontra-se doente, necessitando de tratamento médico
hospitalar, bem como terapia, e medicamentos, os quais a tutora não
pode arcar sozinha, pois encontra-se em situação difícil, não lhe
restando senão a via judicial para dar uma solução ao caso.

Ante o exposto, vem requerer de V. Exa., que:

a) seja citado o requerido para que, querendo, conteste a presente,
conforme preceitua o artigo 300 e seguinte do Código de Processo
Civil, e compareça à audiência a ser designada por V. Exa., sob pena
de revelia e confissão da matéria de fato;

b) a condenação do requerido, à prestação de alimentos
provisionais, em consonância com dispositivos legais.

c) a recte. declara, desde já, não ter condições financeiras e
econômicas para demandar em juízo, requerendo, portanto, os
benefícios da Justiça Gratuita, nos termos das Leis 1.060/50 e
7.115/93, art. 1º, por ser pobre na concepção da palavra.

d) seja julgada procedente a presente ação após ouvida
Representante do Ministério Público.

Protesta, outrossim, por todos os meios de provas em direito
admitidas, pelo depoimento pessoal do suplicado, ouvida de
testemunhas, juntada de novos documentos.

Do Valor à Causa

Dando à causa o valor de R$ …………… (……………) para os efeitos
de alçada.

Nestes Termos

P. deferimento

Local, ….. de ……………….. de ……….

Assinatura do Advogado

OAB nº ………./…..

SIMILAR ARTICLES

0 1.226 views

0 461 views

0 269 views

0 1.772 views

NO COMMENTS

Leave a Reply

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.