RÉPLICA LÉO

EXMO. SR. DR. JUIZ DE DIREITO DA 41ª VARA CÍVEL DA COMARCA DA CAPITAL

PROCESSO Nº: 2001.001.075362-0

, já qualificada nos autos da ação em epígrafe, vem, pela Defensora infra-assinada, apresentar sua

RÉPLICA

arguindo, para tal, os seguintes motivos:

Alega a Ré que, pelo fato de a desistência ter sido provocada por motivos de ordem pessoal, não devem ser restituídas integralmente as parcelas pagas no plano em questão, bem como as taxas destinadas aos custos da empresa e de terceiros. Ora, tal alegação é completamente infundada, pois em qualquer contrato, qualquer das partes, pode, à qualquer tempo, desistir dele por qualquer motivo. E no caso em questão, essa desistência não implica, de maneira alguma, na não-restituição INTEGRAL no valor pago.
Com relação ao valor pago, é completamente a equivocada a planilha de cálculos exposta pela parte Ré, bem como suas alegações o são. O cálculo citado não leva em conta a correção monetária, nem o juros, e exclui valores que devem , indiscutivelmente ser restituídos. Deve ser levada em consideração a planilha de fls. 19, estando esta completa, com os valores devidos, os juros e a correção monetária.

Nestes termos
Pede deferimento

Rio de Janeiro, 26 de março de 2002.

Defensora

Além disso, verifique

TITULO PROTESTADO INDEVIDAMENTE

EXMO. SR. DR. JUIZ DE DIREITO DA 29ª VARA CÍVEL DA COMARCA DA CAPITAL-RJ Processo …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *