Início / Petições / Recursos e incidentes processuais / Agravos / RECURSO DE AGRAVO DE INSTRUMENTO PARA DAR ANDAMENTO AO RECURSO ORDINÁRIO

RECURSO DE AGRAVO DE INSTRUMENTO PARA DAR ANDAMENTO AO RECURSO ORDINÁRIO

RECURSO DE AGRAVO DE INSTRUMENTO PARA DAR ANDAMENTO AO RECURSO ORDINÁRIO
RECURSO DE AGRAVO DE INSTRUMENTO PARA DAR ANDAMENTO AO RECURSO ORDINÁRIO
EXMº SR JUIZ PRESIDENTE DA …. VARA DO TRABALHO
proc. n. 45/97
_______ , brasileiro, solteiro, industrial, r.g. n 8, cic n. 10, residente e domiciliado nesta Cidade, na rua Xisto n 1, vem, mui respeitosamente, por seu advogado e procurador infra-assinado, com escritório nesta Cidade na rua Tango n., 4, tel. 256, cep 400, (proc. juntada), na reclamação trabalhista que propos, figurando no polo passivo a empresa ALFA S/A , cgc , com sede nesta Cidade na rua Jota n. 4, tamitando perante essa … Vara do Trabalho (proc. n 45/97), com fundamento na lei (CLT 897, “ b ”), agravar, como agravado tem, da r. decisão interlocutória que negou admissibilidade ao recurso ordinário interposto pelo recorrente, tendo por escopo reformar a r. sentença que rejeitou (total ou parcialmente o pedido). Para melhor entendimento da matéria, vejamos o
       1. ADMISSIBILIDADE DESTE RECURSO.
    O recorrente é o Recte no processo supra referido e, portanto, tem legitimidade para recorrer; há necessidade de melhorar a situação do recorrente e a r. decisão interlocutória constitui obstáculo ao fim desejado; o recurso é tempestivo (intimação, fls ); é o cabente para reformar a r. decisão recorrida (CLT, art. 897, “b”) e o recorrente goza dos benefícios da assstência judiciária (fls.). Vejamos, então, o
2. OBJETO DESTE RECURSO
É reformar a r. decisão proferida pelo Exmº Sr Juiz Presidente da … Vara do Trabalho que negou seguimento ao recurso ordinário oportunamente interposto. Isso posto, vejamos a
  3. EXPOSIÇÃO DO FATO E DO DIREITO.
(É convinhável fazer brevíssimo resumo da inicial e do processado, dando especial atenção à procedência do recurso ordinário).
Ocorre que o Juízo negou seguimento ao recurso por r. decisão (transcreve-la). Isso posto, examinemos as
4. RAZÕES DO PEDIDO DE REFORMA DA R. DECISÃO
"Data venia" da r. decisão recorrida, merece ser admitido o recurso ordinário porque (alinhavar as razões de admissibilidade do recurso).
Assim, deduz-se o
5. PEDIDO.
Pede-se e espera-se que V. Exª, tomando conhecimento destas razões, digne-se reformar a r. decisão recorrida: no entanto, se mantida, digne-se ordenar a remessa deste recurso para o Eg. Tribunal Regional da … Região que deverá receber, conhecer, processar e acolher este agravo de instrumento para que seja reformada a r. decisão atacada, ordenado o seguimento do recurso ordinário, como medida de inteira justiça.
6. REQUERIMENTO.
Rquer-se que V.Exª se digne ordenar a intimação do recorrido para responder, querendo.
  7. JUNTADA DAS PEÇAS OBRIGATÓRIASEFACULTIVAS (Lei9139/95,art.525).
Juntam-se, desde logo, estas peças obrigatórias:
 
cópia autenticada da r. decisão agravada (doc n);
cópia autenticada da inicial e da contestação.
cópia autenticada da certidão da intimação da r. decisão agravada;
cópias autenticadas das procurações outorgadas ao agravante e ao agravado; comprovante do pagamento dos depósitos ( se o recorrente não gozar dos benefícios da Justiça Gratuita ).
cópia autenticada da r. sentença.
cópia autenticada das razões de recurso.
Facultativamente, todas àquelas que o advogado entender úteis lei 9139/95, art. 525, II, por exemplo, petição inicial, contestação, contrato &c.)
data e assinatura
«« voltar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *